navegar pelo menu
setembro 15, 2020 -

[RESENHA] A Joia Real, de Leandro V.Silva





Título: A Joia Real (Enerkry #3) // Autor(a): Leandro V.Silva // Páginas: 286 // Gênero: ficção científica, aventura, romance
adicione ao skoob // compre aqui
SINOPSE: Joy, uma menina solitária que recebeu treinamento de seu tio, ex-agente do Serviço de Inteligência, precisa pegar algo a todo custo na mansão dos Rikarggan e não medirá esforços para conseguir, mesmo que tenha que usar o seu Ikihatsunukishi. Ela encontra Lando, que acabou de sair de uma alucinante aventura no reino de Arthur.
Ele, surpreso por Joy ser uma Ikihatsunukishisen e suspeitando das atitudes dela, decide ajudá-la na busca, mesmo sabendo que isso colocaria em risco não só os Rikarggan, mas também sua própria família.

Joy perdeu os pais quando ainda era criança e foi criada pelo tio, um ex-agente do Serviço de Inteligência. Mas ela sempre soube que tinha um poder especial, ela era capaz de controlar a Ikihatsunukishi (lembra das histórias do livro Os Irmãos de Gelo e O Herdeiro do Rei?). Ela era atormentada querendo saber mais sobre si mesma e o que aconteceu de fato com os pais, porquê foram mortos. 

Nessa busca pelas respostas, ela encontra Lando, que acabou de chegar do reino da Arthur, e ele decide ajudá-la, afinal partilham o mesmo poder

O livro, assim como os anteriores, são cheios de aventuras e Joy com seus novos amigos se metem com pessoas perigosas em busca da joia real. Abigail se junta a eles contra a vontade de Lando, que após os acontecimentos do livro anterior, em que ele perdia ela constantemente no reino de Arthur, ele não queria perdê-la nem que ela se machucasse mais. O livro se inicia já nessa jornada, e isso é muito bom porque logo no início fui tomada pela curiosidade do que iria acontecer e não consegui largar o livro.

O livro é contado sob o ponto de vista de vários personagens, e às vezes lemos a mesma cena do ponto de vista desses personagens pra dar continuidade a trama e eu gosto muito de ver as reações diferentes de cada personagem. 

Então o grupo é separado e descobrimos mais sobre a sociedade que quer ajudar os Ikihatsunukishisen a realizar a missão de salvar o mundo, mas não sabemos quem quer realmente ajudar e quem está contra eles, pois a sociedade foi dividida.

O universo criado pelo autor vai tomando forma nesse terceiro volume e entendemos mais sobre Enerkry e sobre a sociedade e os personagens que conhecemos lá no primeiro livro, e também sobre o perigo que os Ikihatsunukishisens vão ter que enfrentar, o que me deixou ansiosa pro próximo livro.

Se você busca uma série com grandes aventuras e mistérios, você precisa ler essa série!



Um comentário:

  1. Olá Carol!!!
    Que história mais incrível, eu vi algo acho que sobre o livro anterior e achei super interessante. Como você, eu também gosto de ter a perspectiva de outros personagens e ver o que eles estão sentindo e o que foi visto pelo lado deles.
    Adorei de verdade a resenha!!!

    lereliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir

Postagem mais antiga Página inicial