navegar pelo menu
novembro 18, 2019 - Um comentário




Título: Nossas Cores // Autor(a): Adriel Christian (recebido em parceria com o autor) // Páginas: 39 // Gênero: conto LGBT
adicione ao skoob // compre aqui
SINOPSE: Giovanah precisa descobrir como lidar com os sentimentos que está criando pela melhor amiga. O que ela pode fazer? Paraplégica, adotada por casal homossexual e possivelmente lésbica. Será que a sociedade está preparada para ela? E acima de tudo, vale a pena correr o risco de perder a amizade por um amor?

Giovanah é cadeirante, mas tem uma vida normal em Tocantins, com seus amigos e sua família dedicada. Ela não tem a presença de sua mãe, que foi embora quando ainda era pequena, mas tem o amor dos dois pais adotivos.

Ultimamente ela tem sentido coisas que nunca sentiu antes: ela se sente atraída por Layla, sua melhor amiga. Então durante a leitura vamos acompanhar a descoberta desses novos sentimentos na adolescência.

"Prefiro acreditar que cada um escolhe qual caminho quer seguir."

O livro aborda assuntos muito pertinentes, como essa fase de descobrimento da adolescência, acessibilidade para deficientes, etc. Tem uma dose alta de representatividade que eu amei, e tudo isso de uma forma descontraída e totalmente natural.

A escrita do Adriel é muito fácil e direta, então além de ser um conto super curtinho, a escrita dele torna a leitura ainda mais agradável. E foi muito nostálgico ler sobre a época de Orkut, Acesso MTV, Quinta Categoria e a época em que Capricho e Restart fazia sucesso, e lembrei o quanto era viciada nesses programas! Super recomendo!

"O problema é que: nem sei o que realmente sinto."

novembro 05, 2019 - Um comentário






Sinopse: Beleza, poder, popularidade. O que mais uma garota pode querer? Renata acaba de ser expulsa de sua antiga escola. Perdeu seu status, seus amigos, seu namorado e sua antiga vida de privilégios. Agora, precisa recomeçar do zero, em um rígido internato católico.
Possessa e nada disposta a construir novos laços de amizade por conta das frustrações do passado, ela se vê, de repente, perdida. Sem largar sua essência, a garota se equilibra entre lidar com o desprezo constante dos alunos do colégio, recusar as investidas do presidente de um grupo misterioso e, nesse meio, administrar seu interesse por um aluno em particular. Será que Renata vai conseguir superar seu passado e iniciar uma nova jornada mostrando uma nova versão de si mesma – ou insistirá em seus velhos erros?
Renata Vincenzo é uma garota que sempre teve tudo o que quis aos seus pés sem precisar de muitos esforços, uma vez que veio de uma filha extremamente rica. Entretanto, seu péssimo comportamento e as confusões em que se meteu no seu antigo colégio, acarretou à herdeira uma série de consequências drásticas. Os pais de Renata, Giuseppe e Laura Vincenzo não perdoaram a última que sua filha aprontou e para tentar fazer com que Renata tomasse de uma vez por todas juízo, não pensaram duas vezes antes de mandarem ela para o Colégio Interno Nossa Senhora da Misericórdia.

O colégio era o pior pesadelo de Renata e para ela, se adaptar ali seria impossível e por isso seu total desinteresse fez com que dificilmente ela se desse bem com os outros estudantes, inclusive com sua colega de quarto, mas a herdeira não deixou de atrair interesse em alguns alunos, principalmente em Gabriel, líder do Conselho, um grupo secreto formado por estudantes e que davam festas escondidas e violavam outras regras do colégio. Para Renata, o grupo não passava de uma bobeira criada por adolescentes e estava relutante em não fazer parte.

Por outro lado, Renata começara a se interessar pelas aulas, principalmente a de literatura, dada pela docente Trenentim, que indicava ótimos livros para leitura e propunha debates construtivos em sala de aula. Algo finalmente havia sido despertado em Renata graças à professora que ela começara a gostar também, mas, com motivos suspeitos a professora acaba se afastando do colégio deixando dois alunos bem intrigados.



Guilherme veio de uma família simples e humilde, é bolsista do Colégio Interno Nossa Senhora da Misericórdia e o melhor aluno, com notas altas e muito empenhado. Assim como Renata, Guilherme acha muito estranho a saída da professora Trenentim e é aí que ele propõe à herdeira para ajudá-lo a descobrir se há algo por traz da suposta demissão.

Renata e Guilherme não fazem ideia até então de onde estão se metendo e principalmente, com quem estão se metendo, prestes a descobrirem algo bem maior e que à medida que esse mistério vai sendo solucionado, a aproximação entre ambos passa a ser inevitável e algo bem maior pode surgir dali.

Confidências de Uma Ex-Popular é maravilhoso. Demorei um pouco para finalizar a leitura, mas por pura falta de tempo porque a história fluiu muito rápido para mim. Quando recebi o livro da Ray, já tinha imaginado que iria amar e minhas expectativas não foram frustradas.



A capa aparenta ser apenas de mais um livro juvenil, com uma protagonista rica (realmente é) e sem maiores profundidades, entretanto, ao embarcar na história, o leitor vai descobrindo questões sociais importantes, como a desigualdade e até mesmo corrupção. Foi ótimo acompanhar a evolução de Renata, que no início era uma garota fútil para uma nova pessoa que não se contenta com tanta injustiça e quer defender com unhas e dentes o que acha certo.

E o que falar do Guilherme? Ele é um fofo e que apesar das dificuldades que tem em casa, sonha em dar um futuro melhor para sua família e é a principal questão que o move.

Há outros personagens importantes no livro e são muito bem construídos, permitindo o leitor aprofundar ainda mais na história.

O final da história eu pensei que seria diferente e achei um pouco corrido por conta de toda a passagem de tempo, confesso que fiquei um pouco triste, mas ainda assim não acho que isso torna o livro ruim. Consegui compreender as vontades de Renata e de Guilherme e ambos tomaram decisões difíceis. Por fim, indico para todos Confidências de Uma Ex-Popular. É um livro que te surpreende e te prende com tanto conteúdo construtivo e repleto de aventuras!


novembro 04, 2019 - Um comentário





O livro começa com Natália se arrumava pra ir a uma festa, e quando estava no banho, apalpou seu seio e descobriu um caroço. Ela fica preocupada pois já teve caso de câncer na família, mas ela tenta afastar o pensamento e logo na semana faz os exames necessários, vivendo intensamente, como só ela sabe fazer. Mas quando o resultado do exame fica pronto e ela descobre ter câncer, uma luz dentro dela se apaga.

"Mas desde o pequeno animal, até os gigantes, têm suas forças testadas pela vida."

Logo conhecemos Luísa, que acaba de descobrir que seu namorado a traiu com outra garota, e isso a abala, e ela começa a agir inconsequentemente, chegando até a roubar um carro.

Em um momento, ela encontra uma garota perto demais da beira de um telhado, pensando em se matar. É Natália, que ficou completamente abalada após a notícia de seu câncer.

Luísa tenta animar Natália, e ela não compreende como alguém que ainda está viva, respirando, pode querer desistir das coisas tão facilmente assim, visto que ela perdeu os pais em um assalto, sem nenhuma chance de lutar.

"Enquanto você respirar, Natália, sempre haverá uma chance de lutar. Não escolha o caminho mais fácil para seus problemas."

Luísa, que tem uma tia drogada e uma vida difícil, é convidada pra ficar um tempo na casa de Natália, após impedir que ela cometa o erro. E nisso, ela vai ajudar a chama de Natália a se reacender, a voltar viver plenamente.

Luísa é uma personagem instigante e de muito alto astral, gostei dela logo de cara. A história te prende logo nas primeiras páginas, e eu fiquei super curiosa pra saber o que vai acontecer, pois só li as primeiras 20 páginas.

A escrita da Letícia é muito fácil e leve, e não dá vontade de parar de ler, e prevejo lágrimas quando eu terminar a leitura!