navegar pelo menu
maio 18, 2019 - 2 comentários




Oi gente, mais uma vez passando aqui pra indicar uma loja de roupas pra vocês!

A Selaros é uma loja global que oferece o mais recente vestuário de moda para você! Eles têm vestidos, tops, calças e roupas de banho para meninas e mulheres. Milhares de produtos em diferentes estilos estão esperando por você!

Vamos falar alguns itens que gostamos, começando por vestidos (womens maxi dresses, no site).


Esse vestido é bem folgado e confortável, ótimo pra ser usado no dia-a-dia, e sendo completado por um chapéu com certeza pode dar um charme a mais no seu look!


Esse vestido rosa pastel é muito fofo e delicado! E complementando com um salto e brincos, como na foto, pode ser usando pra ir em lugares mais sofisticados. No site é possível escolher outras opções de cores.
A Selaros também oferece variados sapatos (cheap slippers) maravilhosos e de diversos modelos, ficando impossível não agradar a todos os gostos. Achei este bem a minha cara, já que não sou muito fã de sapatos muito altos então sem dúvidas ele me agradou bastante. Bem ideal para festas ou outras ocasiões elegantes. Também está disponível na cor preta e no próprio site da loja, você encontra guia de tamanhos, ficando fácil assim escolher a medida certa sem todo o transtorno e preocupação de comprar errado.
Outro modelo que gostei foi este um pouco mais básico e para o dia a dia. Parece ser bastante confortável e combina com looks mais simples, ainda assim, realçando. Achei maravilhoso e também está disponível na cor preta, acho que compraria só pelo fato de ser confortável e espojado.

E aí, gostaram?

Esse é um post pago.
maio 14, 2019 - 2 comentários





Eu amo assistir séries de suspense, são as minhas favoritas, ficar criando teorias do que vai acontecer em seguida e ficar esperando pelo próximo episódio porque o cliffhanger do episódio passado me deixou morrendo de curiosidade. Por isso vou indicar algumas séries de suspense que você não vai conseguir parar de assistir. Confira!


Bodyguard é uma série de 6 episódios (todos disponíveis na Netflix) que te deixa envolvida desde os primeiros minutos do piloto, quando David Budd, um veterano de guerra, impede um terrorista de explodir um trem. Depois disso, ele é designado para proteger uma funcionária do governo britânico. A tensão eclode quando a política e a guarda pessoal entram em conflito, o que acaba se tornando uma eminente ameaça.


The Sinner é uma antologia que tem 8 episódios em cada das suas 2 temporadas (todas disponíveis na Netflix). A primeira temporada da série acompanha a jovem mãe Cora que, durante um ataque de raiva inexplicável, comete um ato de violência assustador – e, para seu horror, sem saber por quê. O investigador Harry Ambrose é encarregado de descobrir um motivo, mesmo que esteja enterrado no inconsciente da moça, e acaba desvendando segredos violentos de seu passado. 
Na segunda temporada, por sua vez, o detetive Harry Ambrose é chamado de volta para sua cidade natal na zona rural de Nova Iorque para resolver um crime perturbador: um garotinho de 13 anos de idade que teria assassinado os pais sem motivo aparente.


YOU tem até o momento 1 temporada com 10 episódios disponíveis na Netflix, mas uma segunda temporada já está em andamento. Acredito que todos já sabem a história, mas se você ainda não assistiu, aqui vai 6 motivos pra você assistir You.


Outra série incrível é a antologia The Haunting of Hill House, de todas as séries citadas no post, essa foi a que terminei de assistir mais rápido pois eu precisava saber o que iria acontecer com a família que está dividida e confronta memórias assustadoras de seu antigo lar e dos diversos eventos aterrorizantes que os expulsaram de lá. A série tem apenas 10 episódios (disponíveis na Netflix) na sua primeira temporada e foi baseada no livro "A Assombração da Casa da Colina", de Shirley Jackson, e terá uma segunda temporada, mas contando a história de outra família.


Sharp Objects tem 8 episódios na primeira temporada (é da HBO, então não tem na Netflix) e conta a história de Camille Preaker, uma repórter que precisa retornar à sua cidade natal para acompanhar as investigações dos misteriosos assassinatos de duas adolescentes. O retorno a Wind Gap também traz à tona os fantasmas de seu passado, já que Camille será forçada a reencontrar a sua mãe, a hipocondríaca Adora Crellin, a meia irmã que mal conhece, Amma, e o padrastro Alan. Ao mesmo tempo, ela lida com os distúrbios emocionais, pois acabou de passar uma temporada em uma instituição psiquiátrica.
É baseada em um livro, e eu já até comparei a série com o livro.


The Rain é uma série original da Netflix da Dinamarca, e me chamou atenção pelo enredo de pós-apocalipse e envolvendo um vírus mortal, que eu adoro. Ela tem vários defeitos e probleminhas durante sua primeira temporada de 8 episódios, mas o fato é: me prendeu do início ao fim, e me deixou mega curiosa para sua segunda temporada que estreia dia 17 de maio. Dá tempo de maratonar, heim? A Isadora falou sobre ela aqui no blog.


The Act é minha mais nova queridinha, já até falei sobre ela aqui no blog, e também uma antologia, e sua primeira temporada tem 8 episódios. A série apresenta a história do relacionamento entre Dee Dee Blanchard e sua filha Gypsy, que acreditou ter uma grave doença durante toda a vida por causa da mãe extremamente controladora e insegura. Em busca de independência para viver um amor proibido, Gypsy decide então orquestrar um assassinato.
Eu já conhecia a história real, mas ver a crueldade da mãe de fazer a filha por tanto sofrimento é bem chocante, é uma série bem forte.

E aí, vocês já assistiram alguma das séries que falei? Qual você acrescentaria?
maio 10, 2019 - Um comentário





Nas últimas semanas eu estava tão atolada com provas e trabalho da faculdade que agora que acabou, senti que merecia muito uma folga para ver uma série e com isso, acabei me deparando na Netflix com The Rain.

A série se incia ao pé que uma tempestade está prestes a iniciar na cidade e até aí tudo ok, se não fosse pelo fato de que não é apenas uma chuva qualquer, é uma chuva que está infestada por um vírus e então com apenas um contato com pessoas, provoca morte instantânea. Imediatamente há indivíduos querendo fugir e se esconder, mas nem todos conseguem e muitos morrem naquele mesmo instante. Entre esses, há uma família, cujo o pai, um pesquisador, que trabalha para a empresa Apollon, foi um dos responsáveis por iniciar tal catástrofe. Sten (Johannes Bah), pai de Simone (Alba August) e de Rasmus (Lucas Lynggaard), abriga os filhos e a esposa Ellen (Iben Hjejle) em um bunker, abrigo criado pela mesma empresa Apollon para refugiar pessoas.

A chuva não cessa e logo nos primeiros minutos da série acompanhamos algumas mortes. Simone fica como a principal responsável de seu irmão mais novo, Rasmus, que é ainda apenas uma criança. Nesse mesmo dia, Sten após deixar sua família em segurança saí para uma missão e seis anos depois ainda não retorna para sua família. Acompanhamos um enorme salto na história e obviamente a população foi quase que exterminada nesse período, os poucos que sobreviveram, lutam igual animais para conseguir comida, o que obviamente fica cada vez mais escasso.



Quando Simone e Rasmus tomam uma decisão de saírem do bunker, são abordados por mais um grupo de sobreviventes que estão à procura de comida, entretanto, a confiança fica difícil de ser conquistada após a catástrofe.

Os episódios vão sendo desenvolvidos mostrando uma verdadeira forma de sobrevivência entre o grupo e em alguns momentos, temos flashes do passado sobre a história de cada um.

Achei os personagens bem desenvolvidos e a série possuí uma pegada que prende o espectador a cada final do episódio e posso dizer que gostei bastante. A série possuí na Netflix ainda apenas uma temporada com 8 episódios e vale a pena assistir. Aceito também mais dicas de séries, então deixem nos comentários!