Recebidos da Rosegal

setembro 20, 2018



RoseGal foi fundada por um grupo de amigos que compartilham uma paixão profunda por roupas bonitas e fashion. Especificamente, é a íntima fusão de possibilidades infinitas que roupas modernas e vintage têm a oferecer. They love vintage for its understated simplicity, always en vogue character and stylized elegance. O objetivo deles é simples: compartilhar o amor para a melhor moda com todos. E eles oferecem roupas plus size para diversas ocasiões, e são bem acessíveis.



Eu recebi essa linda t-shirt escrito WHATEVER. O material é muito bom e de ótima qualidade, que eu amei por me deixar bem confortável.



Esse cropped t-shirt é bem confortável também, além de ter Girl Gang escrito, que tem tudo a ver comigo!



Esse delineador líquido que é super à prova d'água é de ótima qualidade e realmente dura e eu amei. Eu tenho muita dificuldade de fazer o delineado de gatinho, mas esse é um dos melhores delineadores que já teste até agora. Então se você tem facilidade de fazer um belo delineado, esse delineador é perfeito pra você!



Também recebi esse item que ajuda na hora de fazer o delineado, pois impede que você pode segurar seu olho e impedir o delineado de sair torto. É muito útil, mas ainda preciso treinar muito pra conseguir fazer, haha.


Já a Isa recebeu esse macacão maravilhoso que fica ótimo para primavera e o verão que já está chegando. Bem confortável e fresco, ele também possui um decote e fica maravilhoso no corpo.


Essa paleta de maquiagem contém 18 tons e ficam lindos! É bastante diversificada e algumas cores vem com brilho bem discreto. Os pincéis vêm separados, mas são ótimos e ajuda muito a deixar a maquiagem mais bonita.


Essa massinha é MUITO relaxante! Ideal para distrair um pouco da ansiedade e do estresse e a Isa estava louca com ela há um tempão. O único cuidado recomendado ter é para não deixar encostar na sua roupa, talvez ela grude e não saia mais hahah.

E aí, o que acharam?

Conheça a loja Chamaripa

setembro 19, 2018




Chamaripa é uma marca de sapatos criada pensando especialmente na qualidade e conforto do que você calça. Cada sapato é criado à mão e possui um processo de 32 etapas de produção com seu principal diferencial de contribuir para uma melhora de postura. Chamaripa tem sua própria fábrica de sapatos com a qual conta com mais de 11 milhões de clientes em todo o mundo, tendo uma equipe de atendimento confiável e passando completa segurança ao cliente

Já demos uma revirada no site e encontramos algumas coisas bem interessantes lá!


Esse tênis é bem parecido com um que eu comprei recentemente, e é bem casual, você pode combiná-los facilmente com qualquer look!


Amei esse outro tênis também com esse detalhe de coraçõezinhos. Ele parece ser bem confortável também e ótimo pra qualquer ocasião.

Lá no site vocês encontrarão muitos calçados para todos os gostos, e tem também para homens!

O benefício dos sapatos Chamaripa é especialmente melhorar a postura e seu material é revestido em couro original, dando além de conforto, toda a qualidade que seus pés merecem. No site vocês também encontrão uma tabela de tamanhos de sapatos para ajudar o comprador na hora de realizar sua compra online, além de uma variedade suporte que auxiliam na compra.

Caso vocês tenham dúvida de qual número escolher, eles têm uma página especialmente feita para ajudar você encontrar o tamanho certo na hora da compra!

E aí, gostaram da dica?

Isso é um publipost.

[RESENHA] Outro Dia, de David Levithan

setembro 18, 2018

Sinopse: Aqui, a já celebrada — com várias resenhas elogiosas — história de "Todo Dia" é mostrada sob o ponto de vista de Rhiannon. A jovem, presa em um relacionamento abusivo, conhece A, por quem se apaixona. Só que A, acorda todo dia em um corpo diferente. Não importa o lugar, o gênero ou a personalidade, A precisa se adaptar ao novo corpo, mesmo que só por um dia. Mas embarcar nessa paixão também traz desafios para Rhiannon. Todos eles mostrados aqui.








A essa altura já deu tempo de vocês lerem "Todo dia" e/ou assistirem a adaptação cinematográfica dele? Porque, depois de ter lido e visto o filme várias vezes, não poderia deixar de ler este livro com outra perspectiva da mesma história!
Apesar do livro se chamar "Outro dia", ele não conta a história a partir do momento em que acaba "Todo dia", pelo contrário, ele revive todos os acontecimentos do livro pela visão de Rhiannon! "Mas não fica massante a leitura da mesma história por outro ponto de vista?" E eu vos digo: NÃO!
A princípio eu achei a leitura bastante arrastada no começo, por saber dos acontecimentos, porém tem muitos fatos de Rhiannon que questionávamos no primeiro livro e fica esclarecido neste. Você tem um apego melhor pela personagem e, se em Todo dia você queria surtar com Rhiannon por algumas atitudes, nesta nova versão vocês vão querer surtar com A pelos mesmos acontecimentos.
Eu sempre parti do princípio de que toda história tem dois lados, e, pela primeira vez, pude ler uma história com duas perspectivas diferentes.

Enquanto Todo dia tem uma pegada mais para nos fazer refletir sobre o mundo atual e sobre valores invertidos, esta versão nos faz focar mais no romance e na confusão que A traz na vida da protagonista. Um livro reflete a sociedade no geral e o outro a pessoa em sua individualidade.
Quando vemos a história no ponto de vista de A, ficamos comovido pela sua situação de acordar em um corpo diferente todos os dias, sem deixar rastros de onde esteve e sem saber para onde vai, no entanto quando vemos a mesma história pela garota que está se apaixonando por alguém que acorda num corpo diferente todos os dias enquanto sai de um relacionamento abusivo fica mais claro as consequências que ambos tem se resolverem ou não investir nesse relacionamento.
Os esforços de A para manter esse relacionamento serão suficientes? Rhiannon irá, de fato, entrar de cabeça numa situação totalmente desconhecida? O livro ainda mantém a essência, por sua vez, de trazer a tona o preconceito cultural, racial e sexual que ainda se faz presente no mundo, e essa é uma característica que poucos escritores conseguem abordar de forma tão leve para ser categorizado como um livro infanto-juvenil!
E então? O que acharam? Mas não deixem de comentar hoje (Porque se comentarem "Outro dia" vou ficar chateado :v )