[RESENHA] Dez Mil Céus Sobre Você, de Claudia Gray

junho 03, 2017

Título: Dez Mil Céus Sobre Você (Firebird #2) // Ten Thousand Skies Above You
Autor(a): Claudia Gray
Editora: HarperCollins Brasil // livro cedido em parceria com a editora
Páginas: 336
Gênero: ficção
adicione ao skoob // compre aqui

Sinopse:
MARGUERITE CAINE fez o impossível, viajando por dimensões alternativas com o Firebird — uma invenção brilhante criada por seus pais, seu namorado, Paul, e o amigo da família, Theo. Mas ela também chamou a atenção de inimigos poderosos, dispostos a seqüestrar, chantagear e até matar para usar os poderes do Firebird para propósitos escusos.
Quando a alma de Paul é dividida em quatro fragmentos — que se encontram presos dentro de Pauls em outras dimensões —, Marguerite fará qualquer coisa e irá a qualquer lugar para salvá-lo. Mas o preço de seu retorno em segurança é alto. Se ela não sabotar os próprios pais em múltiplos universos, Paul vai continuar perdido para sempre.
Mas Marguerite acredita que é possível salvar seu amor sem sacrificar a família, e para isso pede a ajuda do brilhante Theo. Os dois criam um plano para recuperar Paul e o Firebird, mas para que ele dê certo eles precisarão superar um concorrente genial e vão colocar em risco não só sua vida mas também a de todas as versões de si mesmos em várias dimensões.
Desta vez a missão leva os dois aos universos mais perigosos até então: uma São Francisco dividida pela guerra, o submundo do crime de Nova York e uma Paris iluminada onde a outra Marguerite esconde um segredo chocante. Cada salto deixa Marguerite mais perto de salvar Paul — mas sua jornada revela verdades sombrias que fazem com que duvide da única constante que encontrou em todos os mundos: o amor que sentem um pelo outro.

ESSA RESENHA PODE CONTER SPOILER DO VOLUME ANTERIOR!

Depois dos acontecimentos e descobertas do volume anterior, Marguerite vai usar o Firebird, máquina que torna possível a viagem entre dimensões, de novo, mas dessa vez vai ser por uma causa nobre: salvar seus amigos.

Sem dar muito spoiler sobre o que aconteceu com Theo no volume anterior, resta dizer que ele fica dependente de uma droga que coloca a vida dele em risco, e Paul decide ir para outra dimensão arrumar uma forma de reverter a situação, mesmo que vá contra o causador de todas essas aventuras deles: Wyatt Conley. Mas fazendo isso, há uma consequência que causa a fragmentação das lembranças de Paul, e resta a Marguerite salvá-lo saindo em busca das quatro partes do fragmento – em quatro dimensões diferentes – e fazer com que suas lembranças voltem. Mas Wyatt não vai deixar isso acontecer facilmente e obriga que Marguerite faça alguns trabalhos – incluindo sabotar a pesquisa dos pais – pra ele, se quiser salvar Paul e Theo.



Numa Roma medieval sem machismo em que ela é acusada de bruxaria (sim, muito louco essas viagens dela), ora em São Francisco em guerra, ora de volta à Rússia do primeiro livro – a ambientação desse livro está ainda melhor que o anterior –, Marguerite novamente está em um dilema: será ela capaz de salvar os amigos, mesmo que isso signifique sabotar sua família? Um livro que mostra que amor, amizade e família são importantes, e que para vencer qualquer dificuldade, você não deve tentar fazer tudo sozinha. As escolhas que ela faz em cada universo têm um peso muito maior agora.

A forma que a história é contada foi melhor ainda do que o anterior, contando acontecimentos do passado e presente na hora exata em que precisávamos saber mais sobre o que aconteceu com os personagens desde o livro anterior, fazendo com que o leitor fique completamente submerso na trama.



Na resenha anterior vocês viram que eu me decepcionei um pouco com o livro, mas nesse – talvez por eu ter lido sem grandes expectativas – eu consegui aproveitar muito mais a leitura, e é definitivamente melhor que o anterior. Então a leitura é mais do que recomendada pra você que ficou curiosx com a história e curte ficção científica; e se você, assim como eu, estava com um pé atrás em ler a continuação: não perca tempo e leia!


QUOTE:

"Nós nos aproximamos por uma força muito maior que nós mesmos. Algo maior que nosso próprio mundo."

10 comentários:

  1. Olá ;)
    Estou doida pra ler a série, então li a resenha meio por cima pra não pegar spoilers!
    Acho as capas dessa série lindas, e já li a série Evernight da autora, e adoro a escrita dela, então tem grande chance de eu gostar desse.
    Fiquei curiosa pra ler, e que bom saber que você conseguiu aproveitar mais a leitura desse 2 volume.
    Já coloquei a série na lista de leitura ;)
    Bjos

    ResponderExcluir
  2. Olha, vou ser bem sincero contigo, nunca nem ouvi falar da obra haha
    Porém, como provavelmente sabe, 1/3 dos livros que eu compro são escolhidos por causa da capa, e meu Deus, essa capa é muito amorzinho!
    Esse, entretanto, me cativou por outro motivo: viagens interdimensionais. Sério, sou fascinado por essas coisas. Se eu chegar a comprar o livro, saiba que foi por indicação do Virando Amor.
    Abraços!

    Dicas do Jess

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também escolho pela capa, haha. Fico feliz que eu tenha feito você se interessar <3

      Beijos

      Excluir
  3. Boa noite!
    Bem, li a primeira resenha do livro, pois desde muito tempo estava curioso para saber do que se tratava essa saga com capas tão lindas. Adoro histórias com diferentes realidades, então acho que vou curtir esses livros! Fico feliz que no segundo volume o enredo tenha melhorado. Bom que fico sabendo quando for ler.
    Abraços,
    Daniel.

    ResponderExcluir
  4. Acho a capa desse livro linda, mas não sabia que era uma continuação. Adoro histórias com viagens o tempo, então provavelmente vou gostar desses. É bom saber que a qualidade da história aumenta no 2º volume. Deu mais vontade de conhecer!!

    ResponderExcluir
  5. Oi!
    Minha amiga leu esse livro e me indicou muito essa historia, gostei muito de temo como tema esses universos paralelos e parece ser uma historia bem interessante, agora sabendo que o segundo livro não decepciona e que trás uma historia ainda melhor que o primeiro fiquei bem curiosa para poder ler essa historia !!

    ResponderExcluir
  6. Olá.
    Não conhecia a série, mas a premissa é interessante. Fiquei curiosa e motivada para fazer a leitura, pois gosto desse estilo de enredo.
    Sua resenha está ótima.
    Obrigada pela indicação.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  7. Já tinha lido algo sobre o primeiro livro, e devo confessar que achei a trama um pouco confusa. Talvez por ser um livro bem diferente dos gêneros que leio com mais frequência.

    Achei a capa bem chamativa e linda!
    E se eu tiver uma oportunidade vou ler. Quem sabe eu curta uma aventura diferente?! :)

    ResponderExcluir
  8. oii
    am,ei a capa mais nao li a resenha pelo fato de conter spoiler como me chamou muita atencao a acapa a sinopse nao li pois se eu ler sipoler nao consigo ler o livro :( rsrs beijos

    ResponderExcluir