Por que o filme Simplesmente Acontece é melhor que o livro?

julho 14, 2016


Resolvi abrir uma nova categoria aqui no blog em que eu falo de algum filme, livro, série, produto ou serviço e faço uma comparação com outro filme, livro, série, produto ou serviço baseando na minha humilde e sincera opinião. E pra estrear essa categoria, eu venho comparar o livro Simplesmente Acontece, da autora Cecelia Ahern com o filme de mesmo nome.

Bem, eu sou do tipo que lê o livro primeiro e depois assiste o filme (e normalmente gosto muito mais do livro). Mas nesse caso, eu abandonei meus princípios e assisti o filme primeiro (e gostei mais dele), você vai entender porquê.

O livro conta a estória de dois amigos de infância, Alex e Rosie, começando desde o jardim de infância até a vida adulta, aqueles amigos inseparáveis mesmo. Mesmo com a mudança de Alex para os Estados Unidos, a amizade deles continua firme e forte, e isso fica bem evidente nas cartas, e-mails e mensagens (é assim que o livro é contado do início ao fim) que eles enviam um ao outro.

Eles sempre se ajudam e isso é muito legal, principalmente quando a Rosie fica grávida, interrompendo o sonho dela de gerenciar um hotel, e Alex está sempre lá pra ajudá-la, mesmo com toda a distância entre eles.


Com esse resumo, você deve tá pensando "ah, que clichê", e realmente é um clichê, mas esse não é o problema do livro, até porque clichês são ótimos quando bem escritos; o problema do livro é a personagem principal, Rosie Dunne. Ela reclama. Ela reclama muito. E não é aquele tipo que reclama e corre atrás do que quer. Ela só reclama esperando que coisas boas caiam no colo dela, e isso fica bem cansativo nas 448 páginas.

Mas apesar dessa hamartia, a autora consegue compensar o leitor com sua escrita maravilhosa. E isso foi fundamental pra eu não desistir da leitura. Os personagens secundários são muito bem construídos e faz o leitor se importar com eles.

Falando um pouco do filme, muitos detalhes e personagens, como sempre,  são retirados, e apesar de muitas vezes incomodar, nesse caso não fez tanta falta (a não ser a Srta Casey Bafo de Onça que eu gostaria de ter visto no filme).


O filme é direto e, apesar dos cortes, consegue manter fielmente a essência do livro. Ele nos faz passar muita raiva; mas uma raiva boa, que nos faz torcer desde o início pelo casal. A atuação e química de Sam Claflin e Lily Collins (apesar de eu não ir muito com a cara dela) é ótima.

O filme consegue ser muito mais emocionante e romântico do que o livro, pois apesar de no livro ser tudo detalhado e conhecermos os dois desde pequenos até a vida adulta, não dá aquela tensão toda que o filme proporcionou, era mais uma "indecisão" boba de ambos. Sem contar que temos uma Rosie Dunne evoluída em comparação ao livro. Coisas ruins continuam acontecendo à ela, mas ela se levanta e vai atrás do que quer.

Os dois são bons pois divertem e mesmo tendo seus pontos negativos, compensam em outro aspecto. Mas o filme, mesmo carecendo em detalhes, se sobressai pela carga a mais de emoção.

Trailer:

47 comentários:

  1. Olá
    Eu gostei do filme e me emocionei bastante, mas para mim o livro foi muito melhor por causa da apresentação de maiores detalhes e de como há a exploração intensa dos sentimentos. Não sei explicar direito, só que o livro me tocou mais que a adaptação sim. De qualquer maneira, adorei seu post!

    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, no livro tem mais detalhes, mas achei que teve muita enrolação, sabe?
      Obrigada! <3

      Beijos

      Excluir
  2. Olá! Pois eu fiz a mesma coisa que você, vi o filme primeiro e depois li o livro. Realmente gostei mais do filme porque o livro é muito grande, digamos que eles esperam quase 30 anos para ficarem juntos D: coisa que me deixou muito chateada pela enrola, e no filme isso não acontece, visto que os personagens aparecem mais novos. Eu também gostei mais porque é muito mais engraçado e muito mais dinâmico.
    Enfim, amei a coluna! Eu já fiz isso uma vez, com este filme também e com o filme Um Dia. Quem sabe não faço de novo?!
    Beijão.
    Leitora Encantada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, HAHA!
      Eu já assisti Um Dia também, vou lá no seu blog saber sua opinião!
      E faz sim!

      Beijos

      Excluir
  3. Enfim achei alguém que me entende!
    Eu gostei muito do livro, mas eu amei o filme. As vezes eu achava o livro muito cansativo pq a autora enrolou demais, demorou muito tempo pra eles se entenderem e tal, e o filme condensou a história, então pra mim foi muito melhor. Mas os dois são lindos ❤

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. THIS! HAHA
      Ela enrolou bastante mesmo, mas não é ruim.

      Beijos

      Excluir
  4. Nunca li o livro. Assisti o filme por causa do Sam Claflin e da Lily Collins, são dois atores que eu gosto e admiro muito, mas me apaixonei pela história. Já perdi a conta de todas as vezes que assisti.
    "Eramos inseparáveis, sendo sempre separados."
    Parabéns pelo blog! E muito sucesso para você!
    Beijos! ❤️

    algoparaconta99.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eles são ótimos juntos!
      Obrigada <3

      Beijos

      Excluir
  5. Comigo foi assim também. E aconteceu também com outro livro dessa autora o P.S. Eu te amo. Acredito que a escrita dela é muito arrastada e o desenrolar da história demora pra acontecer o que acaba deixando a leitura fatigante. Acredito que o que acaba influenciando também é que ambas as adaptações contaram com protagonistas bem carismáticos. O que mais gostei do livro foi que ele foi escrito de forma epistolar e a escrita do Alex era bem legal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seu comentário é o melhor!
      Sim, os protagonistas cativante com certeza influenciaram, de certa forma.

      Beijos

      Excluir
  6. Eu abandonei o livro pela metade, simplesmente não aguentei mais ler. Ai fui assistir o filme achando que não gostaria como do livro, mas me surpreendi porque amei o filme, bem melhor. E olha que SEMPRE prefiro o livro ehehehe

    ResponderExcluir
  7. Oi Carol, tudo bem?

    Então, eu não conheço a história porque não li o livro e nem vi o filme. Mas é claro que o filme é melhor, tem Sam Clafin, meu bem! ♥♥

    Brincadeira. Bem, entendo que essa enrolação toda que você diz haver no livro deve ser um pouco chata mesmo e que essa questão da personagem ficar o tempo todo reclamando deva ser desgastante. Entendo o seu ponto de vista e acho completamente aceitável que um filme, uma vez ou outra, possa ser melhor que o livro em alguns aspectos. Mesmo o livro ganhando sempre na questão detalhes.

    Enfim , nem posso falar muito porque sou leiga em relação a essa história, mas gostei muito do post e ver a carinha do Sam sorrindo me deixou feliz demais. hahaha

    Beijos, querida.
    Ingrid Cristina
    Plataforma 9 3/4

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHA, se tem o Sam é ótimo!
      Que bom que gostou! <3

      Beijos

      Excluir
  8. Comigo foi assim também. E aconteceu também com outro livro dessa autora o P.S. Eu te amo. Acredito que a escrita dela é muito arrastada e o desenrolar da história demora pra acontecer o que acaba deixando a leitura fatigante. Acredito que o que acaba influenciando também é que ambas as adaptações contaram com protagonistas bem carismáticos. O que mais gostei do livro foi que ele foi escrito de forma epistolar e a escrita do Alex era bem legal.

    ResponderExcluir
  9. Aiiiii gente, eu não gostei do filme =/ não sei se porque li o livro e primeiro e gostei demais, eu não fui muito com a "cara" do filme, acho que cortaram muita coisa do livro, e sinceramente acho que eles só pegaram a ideia principal do livro. Mas tá valendo é assim mesmo né?! HAHAHHAHAHAHA

    Adorei seu blog! Beijos

    http://entre-linhaseparagrafos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Olá, tudo bem?
    Eu nunca li o livro e nem assistir o filme. Eu não tenho argumentos para levantar, o único que até agora estudei foi os seus. Vejo muitas pessoas falando bem de ambos, mas assim que eu ler e assistir o filme eu posso dizer a você o que achei!

    http://desencaixados.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi Carol,
    Parabéns pela matéria do blog.
    Eu já havia visto comentários nesse sentido, de que o filme é melhor que o livro - o que é muito raro. Eu assisti ao filme e acabei não lendo o livro por causa desses comentários coadunados pelo seu. Tenho certeza que minha opinião, se tivesse lido, provavelmente engrossaria esse caldo.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!
      Mas é sempre bom ler pra você tirar suas conclusões.

      Beijos

      Excluir
  12. Na verdade no livro eles ficam juntos muito mais velhos né, e no filme são bem jovens o que eu achei muito melhor porque não teve tanta enrolação mesmo e deu para curtir bem mais. Eu também gostei mais do filme e geralmente não acontece assim, mas tem vezes que prefiro mais o filme do que o livro.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.blogandolivros.com

    ResponderExcluir
  13. Discordo completamente de você: o livro é totalmente superior ao filme e se não fosse o Sam no elenco, eu teria perdido quase duas horas da minha vida para conferir esta adaptação.
    Mas entendo os seus argumentos e acredito que eles funcionam pra você.
    Na minha opinião, o livro é bem mais romântico e traz uma abordagem muito séria e feliz sobre a família!
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, o livro é bem mais sério, o livro é mais dinâmico!

      Beijos

      Excluir
  14. Olá Carol,
    Muito legal essa nova coluna e suas impressões.
    Confesso que, pensando por essa vertente apresentada, acho que o filme é muito mais emocionante mesmo. Isso se deve ao fato de que, no livro, temos pequenos trechos da vida deles e não uma amplitude como no filme, mas, ao mesmo tempo que acho o filme mais emocionante, o livro foi mais romântico pra mim, mais completo e não me cansou em nenhum momento.
    Acho que os dois são bons e não tenho minha preferência ahah.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  15. Olá Carol!
    Eu também costumo gostar mais dos livros do que dos filmes, acho que justamente por essa enrolação que os livros trazem, que nos dá o tempo de nos apaixonarmos pelos personagens, ou mesmo odiá-los, e nos envolvermos com a história a ponto de cada conquista ou perda nos atingir. Não conhecia essa história, e na verdade nem sei porquê, já que ouvi falar dela várias vezes. Amo a Cecelia, por isso já estou motivada a ler o livro, e agora com a sua resenha, o filme também entra na lista.

    Obrigada pela dica, adorei a nova categoria de post!

    Um beijo,
    Fernanda
    https://spaziodilibri.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Oie! Mesmo que tanto o livro quanto a obra sejam lançamentos um pouco mais "antiguinhos", ainda não fui atrás para conhecer nenhum. Cheguei muito perto de comprar o livro, mas desisti quando minha amiga disse que não recomendava. Sem contar que eu olhei algumas fotografias do interior da obra e simplesmente não consegui me atrair por uma história contada através de cartas e mensagens. Digo, em alguns enredos, acho isso fantástico, mas infelizmente não foi algo que me atraiu em Simplesmente Acontece. Adorei sua ideia de categoria, pois por mais que seja difícil admitir, há muitas adaptações melhores que suas obras literárias. Todos os seus comentários me deixaram curiosa para assistir ao filme. *-*

    Beijos,
    Fernanda Goulart.

    ResponderExcluir
  17. Como vc eu assisti o filme antes de ler o livro e por sua vez eu prefiro o filme, já que quando peguei para ler o livro não consegui concluir a leitura por causa da protagonista como vc mesma disse, não sei se foi o filme que me influenciou a não gostar da leitura mais não pretendo ler o livro.

    ResponderExcluir
  18. Oi Carol, tudo bem?
    Eu só vi o filme até agora :P E curti muitooooo <3 Também não gosto da atriz, mas neste filme ficou legal =D
    O livro eu ganhei no natal, mas nem abri ainda hahah, muita coisa para ler :3
    Beijooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oiii Carol!!
    Comigo foi a mesma coisa, quando li achei ela tão chata, muito reclamona, mas quando assisti o filme eu fiquei presa, torcendo fielmente para que os dois finalmente dessem certo, e a filha dela? acho uma graça, acho que assisti o filme uma três vezes deis do lançamento kk adorei a nova categoria, e gostei muito da comparação por que é exatamente oque eu achei do livro e do filme rs
    Beijocas...
    https://westfalllivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  20. Olá lindona,
    Eu ainda não consegui ler o livro, mas assisti o filme e amei. É realmente maravilhoso. normalmente leio o livro antes e depois assisto o filme, nesse caso foi diferente.
    Gostei demais de saber sua opinião.
    Beijos.

    meumundosecreto

    ResponderExcluir
  21. Oi, Carol! Eu não li esse livro, e para falar a verdade, ele nunca tinha me passado a vontade de dar uma segunda vista. Mas adorei a sua opinião sobre o filme, comparado ao livro. Acho que nesse caso, o filme me atrai mais. Vou procurar por ele, e assim que der vou assistir.

    Beijos,
    Dai | Blog Virando a Página

    ResponderExcluir
  22. Oie, adorei essa comparação e confesso que eu não gosto nadinha desse livro. Não consigo lembrar os motivos exatos mas quando penso nele sei que há uns cinco anos quando li não achei legal. quem sabe eu deva dar uma chance para o filme porque tendo mais emoção eu posso vir a gostar mais da história. Ah, e eu conheço ele a tanto tempo porque antes de vir com o nome de simplesmente acontece já tinha sido publicado como além do arco íris, ou algum nome assim

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sabia disso, HAHA. Dê uma chance sim ao filme, talvez tenha uma experiência melhor, como eu tive!

      Beijos

      Excluir
  23. Eu amei assisti esse filme, sou fão assumido de romances e esse eu fiquei extremamente apaixonado por este.

    ResponderExcluir
  24. Oie!!
    Bom o filme Simplesmente acontece é um dos meus queridinhos da vida. Gosto demais dele. Principalmente porque sou muito fan dos atores. Porém ainda não li o livro, e confesso que não tenho muita vontade; Ele é uma das raras exceções em que eu me dou ao luxo de só ter assistido a adaptação. Gostei da nova coluna e super apoio você a continua-la.
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou da nova coluna <3

      Beijos

      Excluir
  25. Oi Carol,
    Eu apenas assisti ao filme. não li o livro para poder comparar, mas achei fraquinho já nas telas, por mais que goste de romances e de ter torcido muito para o casa, essas histórias de pessoas orgulhosas que não correm atrás do que querem e ficam só assistindo as coisas me cansa bastante. =/
    Prefiro os casais que lutam para ficar junto do que aqueles que levam a vida inteira para admitir que se amam hehehehe
    beijos

    ResponderExcluir
  26. Me identifico, também sempre leio o livro antes de assistir o filme, ou perde o encanto. Simplesmente Acontece é um livro que divide muitas opiniões, e eu sinceramente estava aguardando o meu ansiosa para ler, pelo que entendi a história é bem clichê, o que está me incomodando muito ultimamente, e não consigo lidar com personagens chatas e mimizentas, então minhas expectativas já são baixas, e decepciona o fato do filme ser melhor que o livro

    ResponderExcluir
  27. Olá ;)
    Gosto de ler o livro e depois assistir o filme, mas com esse foi diferente, primeiro assisti o filme e logo após fui procurar o livro e me decepcionei, o filme nos emociona com os acontecimentos e no livro parece tão monotomo, personagens chatos e sem vida. Parabéns pelo lindo blog. Sucesso, Bjinhos :*

    ResponderExcluir
  28. Oi, tudo bem?
    Eu também prefiro ler o livro e depois ver o filme, e geralmente gosto mais do livro, mas há histórias que ficam melhor nas telonas mesmo, né? Essa história eu só conheço pelo filme e confesso que realmente passei raiva, mas gostei bastante kkkkk Agora o livro eu não tenho tanta vontade de ler assim e é bom ver que não é tão bom assim.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  29. Oi Carol, tudo bem?
    Eu já assisti esse filme, e não li o livro apesar de ter ele aqui em casa. E olha que acho que não me arrependo aahhaha pelo que você comentou, estou super de acordo sobre o filme, apesar de alguns detalhes mínimos, ele surte o efeito proposto, eu me emocionei horrores com ele e também senti muita raiva. Mas mesmo assim ainda quero conferir o livro para conhecer um pouco mais da trama e ver se concordo plenamente contigo sobre o filme ser melhor :D

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  30. Oiee,
    Olha há algum tempo atrás eu tinha muita vontade de fazer a leitura e assistir ao filme, mas acabei não tendo oportunidade e a vontade acabou passando. Não sei se um dia farei a leitura, mas acho que assistirei ao filme em breve, pois ando com uma baita preguiça de filmes. Achei super interessante a postagem porque normalmente é comum vermos as pessoas falando o contrário, sobre livros que são melhores que filmes, parabéns pela originalidade.
    Beijos

    ResponderExcluir
  31. Oie!!!
    Amei essa sua nova coluna! E vou confessar algo: eu não curti o livro "Simplesmente Acontece" e, por isso nem quiz assistir ao filme. Pra mim foi algo na narrativa da autora somada a falta de atitude da Rosie que fizeram a leitura deste livro ser "arrastada" por mim.
    Por causa da sua coluna darei uma chance ao filme, apesar de saber que uma de minhas personagens favoritas não estar nele, pode ser justamente o fato, descrito em sua resenha, de haver vários cortes que faça ele dar certo!
    Bjinhos ;)
    Elaine M. Escovedo
    Http://www.caminhandoentelivros.com.br

    ResponderExcluir
  32. Oi Carol,
    também costumo e até prefiro ler o livro primeiro, mas ultimamente ando tão sobrecarregada com algumas leituras que não tenho conseguido fazer isso. Nesse caso assisti apenas o filme e amei, tirando a raiva que você falou, que senti loucamente porque tudo sempre dava errado, ela chegava atrasada ou ele e os anos passando e as coisas não aconteciam... Enfim, o Sam é maravilhoso e não consigo imaginar nenhum outro fazendo esse papel, ler esse post me encheu de vontade de assistir ele de novo HAHAHA

    Abçs
    Nosso Mundo Literário

    ResponderExcluir