[FILME] A Cabana

abril 27, 2017


Bom dia! Hoje trago a crítica do filme The Shack (A Cabana, no português), adaptação do livro do autor William P. Young também com mesmo título.

Mackenzie é um homem um pouco cético quanto à Deus, uma vez que na sua infância não era fácil seu relacionamento com os pais, já que seu pai bebia e batia em sua mãe, ele cresceu sem acreditar completamente em todo os aprendizados da igreja, porém se casou com uma mulher bastante religiosa e com ela teve três filhos, Kate, Josh e Missy, sendo a Missy a mais nova de todos os irmãos.

Em uma viagem para um acampamento onde Mackenzie leva os filhos, um acidente acaba acontecendo com Josh e Kate em um barco, o que faz com que o pai deles se desespere e pule na lagoa para ajudar os filhos, porém no instante em que Mackenzie deixa Missy sozinha, ela acaba desaparecendo deixando poucos rastros, uma das pistas que se tem do sequestrador é uma joaninha deixada no lugar onde a menina estava desenhando.


Algum tempo se passa e Mackenzie não consegue seguir com sua vida em frente após o sumiço e a morte da filha mais nova e acaba perdendo completamente a fé em Deus, até que em um dia de neve, misteriosamente aparece em sua caixa de correio um bilhete o convidando para voltar ao mesmo lugar onde sua filha foi morta, próximo a uma cabana no meio de uma floresta. Mack se vê confuso e ao mesmo tempo intrigado quanto ao bilhete, até que decide ir até o local, porém sem avisar sua esposa ou seus filhos.

O que ele não esperava era que na sua visita de volta à cabana, local onde trouxe bastante sofrimento para sua vida, ele encontraria o perdão e uma nova chance para ser feliz ao encontrar Jesus, Deus e o Espírito Santo.

The Shack foi um filme maravilhoso! Eu já havia gostado demais do livro por ter me tocado bastante e com o filme também senti o mesmo. O contato que Mack tem com Deus no primeiro instante é grosseiro e repleto de raiva porque ele não entende como Deus pôde aceitar que tirassem a vida de uma garotinha e como ele não impediu. É uma situação bem real, porque quando estamos muito magoados ou com raiva de algo que tenha acontecido, às vezes injustamente, não entendemos como que isso possa ser a vontade de Deus e Mack está cego pela sua dor e assim como somos às vezes, não compreendemos que Deus é bom, mas o mal também está solto nesse mundo.


Achei o filme bem fiel ao livro, com bastante detalhes que também estavam presentes no livro e os personagens atuaram muito bem. Quem interpretou o papel de Deus, foi Octavia Spencer que se saiu ótima na sua atuação representando além de Deus, uma figura também feminina. Como Jesus, tivemos Aviv Alush que também teve uma ótima atuação, e Sarayu (Sumire Matsubara), como o Espirito.

A trilha sonora que acompanhou a trama se encaixou muito bem com a história e a mensagem que o filme traz é emocionante, mostra você nunca vai estar sozinho porque Deus sempre está presente e você não precisa vê-lo e às vezes nem senti-lo, ele está agindo na sua vida em todo o momento. Deus nunca quer o nosso mal, apenas que o enxerguemos como Pai e acreditemos no seu amor. Indico o filme para todas as pessoas, independente da sua crença ou religião. Acho que por meio dele, nos vemos bastante na mesma situação que Mack se encontra, o que traz uma pitada de realidade.

Me contem nos comentários se vocês tem interesse em assistir ou se já viram!



Trailer

Os melhores looks para o outono

abril 24, 2017



O outono chegou há alguns dias, e a única coisa que consigo pensar em relação a essa estação: os looks maravilhosos que dá pra usar! Por isso fiz uma seleção de looks lá do Dressesofgirl pra mostrar pra vocês!

Já vou entregar o meu favorito, que eu bati os olhos e quis de cara. É elegante e sexy. Achei a cor preta maravilhosa, mas você pode escolher outras cores lá no site.


O mais legal dessa loja é que, além dos tamanhos normais, você pode customizar um vestido do seu tamanho!

Azul é a cor mais quente! Vários vestidos, mais pra festa de formatura, na cor azul que combina com tudo, né? Estão na categoria blue prom dresses da loja. Fora que destaca e valoriza especialmente o corpo da mulher com toda elegância. Uma ótima dica para você que tem uma festa ou evento importante para ir.


O vestido abaixo também é lindo, eu amei todo o brilho e a cor combina com tudo. Especial para ser usado em uma festa à noite.


Vermelho é sempre uma ótima opção, e a renda deu um toque bem especial no vestido a seguir valorizando também as curvas e sendo quase todo justo no corpo, apenas com um leve rodado nos pés que está sempre sendo usado este modelo.


Os preços estão ótimos também, apesar de somente ter a opção da compra ser em dólar ou euro. A melhor coisa é poder escolher um vestido pra uma ocasião especial do conforto da sua casa, já que é bem difícil encontrar vestidos descolados assim por aí, num preço desses, né?

O frete é grátis em compras a partir de $299, mas vendo os vestidos maravilhosos de lá, dificilmente você vai conseguir resistir e comprar menos que isso. Dá vontade de levar tudo!

E aí, qual desses você gostou mais?

Esse é um publipost.

Livros para todos: literatura não tem idade - e nem gênero

abril 23, 2017

Ler é tudo de bom! Além de ser um impressionante meio de viajar através de diferentes tempos e universos, os livros também contribuem para o desenvolvimento intelectual, pessoal e criativo.

Para celebrar o Dia Mundial do Livro (23/abr) importante data para reforçar o incentivo à leitura oficializada pela UNESCO há mais de vinte anos, a Editora Novo Conceito tem uma extensa gama de títulos para agradar todos os públicos.

Os caçadores de lendas DarkMouthOs caçadores de lendas DarkMouth - livro de estreia da série Darkmouth, escrito pelo irlandês Shane Hegarty, narra a história de Finn, um garoto de doze anos e o único filho de Hugo, um incrível Caçador de Lendas. Apesar da ambição do pai em tornar o garoto em um grande caçador, Finn não leva jeito nenhum para a carreira. Porém, quando o universo de lendas monstruosas ameaça as pessoas próximas a ele, o garoto esforça-se para se tornar o habilidoso Caçador que nasceu para ser, antes que seja tarde demais. Mesmo que indicado para o público juvenil, a obra é uma aventura para todas as idades e uma história sobre coragem, família, destino e acreditar em si mesmo.







 

Os títulos Um Novo Mundo (já resenhado no blog) e Isolados – O Enigma, da maior youtuber gamer feminina, Bibi Tattoo, narram as aventuras da garota no universo do Minecraft, um dos games mais vendidos atualmente que conquistou a atenção de milhões de crianças e jovens no mundo inteiro. As obras também contam com alguns recortes sobre a trajetória de vida da jovem, que aos 16 anos já conta com mais de 3 milhões de inscritos no canal e que foi a primeira mulher a ocupar o TOP15 mundial no universo dos games.

A Última Camélia, da best-seller Sarah Jio, é uma narrativa que mistura épocas diferentes, com duas protagonistas intrigantes e cheias de mistérios. Com cenários que vão dos anos 40, às vésperas da Segunda Guerra Mundial, até a cinco décadas depois em uma já modernizada Nova York, Flora Lewis e Addison veem sua vida girar em torno de um último espécime de uma rara camélia. Com uma narrativa misteriosa e repleta de enigmas, o leitor irá descobrir que confiar nos personagens é arriscado, e a verdade por trás da história é implacável e surpreendente.







Angus – O Primeiro Guerreiro, obra do autor Orlando Paes Filho, faz parte da renomada série Angus, que causou furor entre o público Geek e Nerd nos anos 2000. Republicada em forma de trilogia, o primeiro título conta as aventuras adultas e históricas vivenciadas pelo guerreiro viking Angus MacLachlan, convertido para o catolicismo, e as épicas batalhas bárbaras e cristãs que ele enfrenta no início da história.












E aí, vão comemorar o Dia Mundial do Livro lendo qual livro? Já leram algum da lista?